Servidor: redução de salário vai economizar R$ 6 bi no Orçamento

4
256

O trecho foi inserido no relatório final do relator-geral, deputado Domingos Neto (PSD-CE), apresentado nesta terça-feira (17/12/2019)

A depender da aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) emergencial pelo Congresso Nacional, que prevê cortes em salários e carga horária de servidores, o governo vai tirar do papel parte dos gastos previstos no Orçamento do próximo ano. Na proposta de Orçamento foi incluída uma projeção de economia de R$ 6 bilhões com a medida.

O trecho foi inserido no relatório final do relator-geral do Orçamento de 2020, deputado Domingos Neto (PSD-CE), apresentado nesta terça-feira (17/12/2019). No entanto, caso a PEC emergencial não seja aprovada pelos parlamentares, os R$ 6 bilhões não poderão ser gastos.

De acordo com Domingos Neto, o trecho foi incluído no parecer final para ampliar a previsão de despesas não obrigatórias, como custeio e investimento.

O parecer do relator será votado nesta terça-feira pela Comissão Mista de Orçamento (CMO), podendo ser levado ao plenário do Congresso ainda no mesmo dia ou nesta quarta-feira (18/12/2019)

Pelo parecer, ainda está prevista a redução de R$ 3,8 bilhões para R$ 2 bilhões no valor do fundo que vai financiar as campanhas eleitorais em 2020. O valor estava previsto na proposta original de Orçamento do governo.

Crédito: Mayara Oliveira/Metrópoles – disponível na internet 18/12/2019

Domingos Neto relator-geral do Orçamento de 2020 . imagem de Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

4 Comentários

  1. Ja estão contando com o dinheiro confiscado do salario do trabalhador. Se é para ajudar o país pq não zera esse fundo eleitoral e corta todos comissionados e reduz os gastos com legislativo e judiciario?! O que resta aos trabalhadores é ir atras de renda extra com subempregos…

  2. Considero importante divulgar matérias da mídia que aborda a possibilidade de redução do servidor, mas na minha opinião o mais importante é sabermos (nós servidores) o que os Sindicatos estão fazendo para que isso não aconteça. O que a ASMETRO está fazendo para combater isso? Ações concretas? Isso sim é importante divulgar em cada boletim diariamente.

    • Elisa,
      Publicamos em nossa página as ações que estão sendo realizadas no Congresso Nacional para obstaculizar a PEC emergencial bem como a da REFORMA ADMINISTRATIVA em vias de ser enviada ao congresso.
      No que se refere as ações do ASMETRO-SN divulgamos a resenha de nossas idas a Brasilia e em nossas Assembléias.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, digite seu nome!

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.