Operadora ASSIM SAÚDE impõe reajuste de 11,89%

5
172

O Grupo Gestor de Saúde Complementar do ASMETRO-SN, CVM e INPI foi informado ontem (09/08) pelo IBBCA que o percentual de reajuste do contraro com a operadodra ASSIM SAÚDE, referente ao periodo de agosto de 2021 a julho de 2022,   é de 11,89% 

10/08/2021

À ASMETRO 

A nossa relação comercial é assente na amizade e na confiança, dois aspectos que se constroem e consolidam ao longo do tempo.

Tem sido um privilégio ter uma relação tão próxima, cujos pilares são a solidez e o respeito. 

Com isso, nossa empresa tem procurado manter sempre um alto nível de qualidade, para o qual muito tem contribuído de forma assertiva para a personalização do atendimento e de gestão. 

Visando estabelecer a atualização imposta pela Assim Saúde vimos informar o índice de reajuste em 11,89%, cuja data base é 01/08/2021.

Reafirmamos a satisfação pela confiança depositada na prestação de nossos serviços e aproveitamos para renovar o compromisso de um atendimento de qualidade, proximidade e sucesso.   

Colocamo-nos à disposição para quaisquer esclarecimentos,      

Cordialmente,

09/08/2021

 

Carta de reajuste ASMETRO Assim Saude

5 Comentários

  1. Concordo plenamente. Não vejo asmetro tentando fazer algo em função dos funcionários . ..procure outro plano de saúde. Ou faça o seu próprio, para nós funcionários! Daqui uns dias o valor do plano de saúde. Vai estar mais alto q nosso salário! Dá vontade de largar tudo ! Asmetro, unimed….enfim estamos cansados!!!

  2. Desejo, diante dessa oportunidade, manifestar minha insatisfação com a IBBCA. Em outubro próximo passado, solicitei o encerramento do contrato em face da UNIMED RIO. Desliguei-me da UNIMED e celebrei contrato co a PREVENT SENIOR . Tudo correto ! Eis que neste exercício a INBCA está encaminhando boletos de reajustes passados e nada fui informado sobre essa cobrança por ocasião da rescisão contratual . Não estou cumprindo esse pagamento! Isto é um absurdo!

  3. Prezados,

    Acredito que diante desses fatos, a Asmetro têm que procurar alternativas a esta operadora dos planos de saúde (IBBCA). Não é razoável esses aumentos sucessivos acima da inflação. Estou no Inmetro há três anos e comecei pagando em 2018, no plano superior da ASSIM R$ 327,00, agora irei pagar R$ 524,84, ou seja, um aumento de mais de 60% em três anos. Isso é irreal!! Não há motivos para tais reajustes!! Acredito que umas das alternativas seria criar o próprio plano de saúde da Asmetro se isso for possível.

  4. Todos os anos os aumentos da ASSIM são bem acima da inflação. Esse ano os reajustes das operadoras têm sido baixíssimos, mas a ASSIM impõe esse reajuste de quase 12 %. O pior é que a prestação de serviço da ASSIM é péssima, sem nenhum hospital de ponta, mesmo para o plano mais caro. Esse ano, por algumas vezes, o plano foi suspenso deixando os usuários sem cobertura. Um verdadeiro absurdo. Paga-se caro e quando precisa não se pode usar.
    Um dos poucos benefícios que os associados da ASMETRO têm são os planos de saúde, mas que estão ficando inviáveis pelos valores cobrados. Mesmo que não seja sua função ou obrigação, já passou da hora da ASMETRO procurar alternativas se, de fato, quiser manter seus associados.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, digite seu nome!